Calendário DIY
Natureza Viva
Barmak
Pontos:  80
Desde:  27/12/2011
Finalizado
Nível intermediário
x 0
Favoritado
Em:  16/03/2014   ( 16/03/2014 )
Atribuição. Não permite o uso comercial. Não permite projetos derivados.
Estrela vazia
0
1
2
3
4
5
Natureza Viva é um projeto do artista Alexandre Rangel em parceria com a OVNI Lab. Inspirado na obra Natureza-Morta de Paul Cezanne. A mesa detecta quando acontece um terremoto em qualquer parte do mundo e começa a tremer, produzindo o balanço dos objetos sobre ela. O projeto usa Cinder, OpenFrameworks, Arduino, um inversor de frequência, um motor trifásico e alguns componentes eletrônicos divertidos!
1
Informações Técnicas

O sistema da "natureza-viva" utiliza-se dos dados coletados pelo USGS (United States Geological Survey, instituto de pesquisas geológicas dos EUA) de uma rede internacional de sismógrafos que monitoram as atividades tectonicas terrestre e qualquer abalo sísmico que atinja a superfície da Terra. Esses dados são disponibilizados publicamente em servidores da USGS e tem uma taxa de atualização atualização quasi-simultânea com os tremores detectados pela rede de sensores.

O software de controle do "Natureza-Viva" conecta-se aos servidores do USGS e coleta as informações em tempo-real do último terremoto acontecido na Terra. Informações sobre sua localização (epicentro), profundidade, magnitude são processadas pelo software que envia esses dados uma eletrônica que controlará um motor que fará com que a mesa trema em sincronicidade com o último terremoto.

Utilizamos um motor trifásico de 1/4 HP de potência com um pequeno lastro preso ao eixo de forma não cocêntrica. A diferença de simetria de massa no eixo do motor gera vibração que pode ser aumentada ou diminuida controlando a velocidade de rotação do motor. Dependendo da magnitude do tremor sísmico, podemos mimetizer a intesidade do tremor variando a velocidade de giro do motor.

Fluxo dos Dados

Cinder > OF > Arduino > Inversor > Motor > Mesa



A
Anexos
Você precisa estar logado para ver os anexos.
Comentários: